Janeiro no Museu

Exposição “Uma Palavra Não Dita”
de Rede de Saúde Mental de Piracicaba

Curadoria: Beatriz Magosso e Mariana Santi
Período: 07/01 a 12/02

O Museu Prudente de Moraes traz para o público a exposição “Uma palavra não dita”. A mostra apresenta diversos trabalhos e manifestações artísticas realizadas pelos artistas assistidos nos serviços da Rede de Atenção Psicossocial (RAPS) de Piracicaba. Os trabalhos são de diversas linguagens e expressões, como poesias narradas, quadros, pinturas, desenhos e artesanatos, todos desenvolvidos nas oficinas de atividades artísticas e grupos terapêuticos oferecidos nos serviços de saúde mental.
A Rede de Atenção Psicossocial (RAPS) é uma alternativa ao ultrapassado e desumano modelo hospitalar de tratamento para pessoas com transtornos psíquicos ou decorrentes do uso abusivo de substâncias psicoativas. A rede conta com sete equipamentos de saúde mental os quais buscam fortalecer a autoestima e a cidadania, melhorar a qualidade de vida e promover a reintegração do sujeito assistido com a sociedade.
São eles: Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) Bela Vista; Ambulatório de Saúde Mental (A.S.M.) Vila Cristina; A.S.M. Vila Sônia; A.S.M. Álcool e Drogas; CAPS Infantojuvenil e Residência Terapêutica.
A exposição exalta a expressividade, o potencial e a magnitude das criações e de seus autores. Fomenta a ocupação de novos espaços para arte e saúde mental. E também provoca os visitantes a olhar para si mesmo e a olhar outra vez para o que nossa sociedade tacha de “loucura” e para os sujeitos excluídos e marginalizados. Esses que estão hoje ocupando essa sala e apresentando possibilidades e modos de (r)existência.
A mostra foi realizada em parceria com o Museu Prudente de Moraes e a curadoria de Beatriz Magosso e Mariana Santi.

Projeto – Férias no Museu

Dias: 11, 13, 18, 20, 25 e 27/01
Horário: 14h às 16h
Agendamento: mprudentedemoraes@piracicaba.sp.gov.br / (19) 3422-3069

Nos meses de férias escolares, o Museu Prudente de Moraes desenvolverá oficinas lúdicas relacionadas à educação patrimonial envolvendo diversão, criatividade e educação. As atividades serão desenvolvidas com crianças e adolescentes, na faixa etária entre 06 e 12 anos, com agendamento prévio e devidamente acompanhados de seus responsáveis.
Nesses dias teremos brincadeiras antigas, quebra-cabeça, jogo da memória, colagem, contação de histórias, pintura e diversas atividades recreativas.